Como criar um site no WordPress para iniciantes.

Como criar um site no WordPress para iniciantes.

Sem duvidas existe uma mudança acontecendo no mundo do trabalho. Como é possível que tantas pessoas, de todas as origens e todas as idades, criem blogs e negócios online?

Será que esses textos e imagens tem tanto poder assim?

Quantas pessoas realmente querem ler os pensamentos aleatórios de pessoas comuns, como eu e você?

A verdade é que o Diário que antes era feito de papel e todos tinham curiosidade de ler ficou digital e todos tem acesso.

E para isso, é necessário um blog, site etc…

Foi-se o tempo que criar um site era um bicho de sete cabeças, existem diversas plataformas no mercado hoje que apresentam uma facilidade na hora de se construir o site, contudo, o WordPress é sem dúvida de longe a mais utilizada de todas.

Nasce o WordPress

Em 2003 nasceu a plataforma chamada WordPress, que era focada em  blogs, contudo, com o passar do tempo, a plataforma ficou “parruda”e começou a suprir as necessidades de outros setores, como lojas Virtual, Sites institucional,  educacionais, ensino a distância entre outros.

A grande pluralidade de plugins para a ferramenta fez dela unanimidade no meio dos blogueiros, a plataforma hoje tem plugin para tudo que se possa imaginar, e grande maioria deles, são plugins gratuitos, ou com uma versão gratuita.

Escolhendo a Hospedagem

Tendo dito isso, vamos precisar escolher então como essa hospedagem será feita.

No Brasil contamos hoje com 2 players que oferecem esse serviço de forma razoável,

Um deles é a Hostgator o outro a Godaddy, existem outras empresas que oferecem o mesmo serviço, por um preço até mais em conta, contudo, por questão de segurança e confiabilidade, eu aconselho uma dessas duas citadas acima.

A Godaddy, é mais prática, tem um sistema mais automatizado para a criação de sites e backups, um suporte rápido, porém pouco experiente, caso você precise de uma ajuda mais complexa, eles vão ligar para o suporte do Estados unidos, e o processo ficará lento e cansativo, mas pra quem não tem habilidades de WEB, eu recomendo a Godaddy para correr menos riscos.

A Hostgator, é mais barata, você consegue subir mais sites para a plataforma por um valor menor, contudo, o processo é mais manual, para quem não entende muito da ferramenta é arriscado, e nesse caso, o mais barato pode sair caro, imagina se você excluir o seu site sem querer e não tem uma rotina de backup configurada? Outro problema é que todos os sites criados na hospedagem da Hostgator vem na mesma classe de IP da sua conta, caso o seu site seja para PBN, eu não aconselharia mais de 3 sites por conta.

hostgator-800x325 Como criar um site no Wordpress para iniciantes.

Para contratar a Hostagator: https://www.hostgator.com.br/

 

A GoDaddy tem um recuso interessante, ela da acesso a terceiros para edição do site – é possível dar acesso à hospedagem para terceiros e restringi-lo à edição do site. Este recurso dá mais segurança porque você pode contratar um profissional para criar o seu site e não precisa fornecer o seu login e senha para ele.

Planos de Hospedagem WordPress GoDaddy A Hospedagem WordPress GoDaddy possui 4 planos que variam conforme o número de sites, visitantes por mês e espaço de armazenamento. Como a descrição dos planos está na própria tabela (abaixo), vamos nos concentrar nos diferenciais e nas recomendações para cada tipo de site. Para quem possui apenas um site, o

go-daddy-580x400 Como criar um site no Wordpress para iniciantes.

Para contratar a Godaddy segue o link. https://www.godaddy.com/

 

Escolhendo o Nicho do site

Nicho do site é saber em que área o site irá atuar, será um site de notícias? Culinária, educacional? Enfim, essa escolha vai impactar mais na frente na hora de escolher o seu domínio e de ranquear a palavra chave, existem nichos que são mais fáceis de ranquear do que outros.

Um site sobre moda, beleza, é altamente difícil de ranquear,  um sobre religião, já é mais fácil.

Na verdade, qualquer palavra “money”ou seja palavra que gera renda se torna difícil de classificar na primeira página do google.

Outro fator importante além da dificuldade de classificar é o volume da palavra em foco.

Se a palavra é muito difícil e tem um volume baixo, dificilmente ela vai dar o retorno empregado nela. Imagine que a palavra de cauda longa  “Comprar camisa polo”tenha 1.000 procura no mês,  e tenha um nível de dificuldade “Alta”, o esforço para chegar até a primeira página será imenso, ficar entre os 3 primeiros então nem se fala, você provavelmente terá que brigar com Mercado Livre, Elo7, C&A, Lojas Americanas, grandes Players que já estão no mercado a muito tempo e possuem um domínio extremamente forte.

Agora imagina que a palavra chave de cauda longa “Comprar camisa polo verde” tenha a nível de volume de 100 pessoas procurando por mês, e sua classificação seja baixa, é melhor começar comendo pelas beiras e classificar uma palavra chave com menos concorrência e menor acesso, do que tentar ir na palavra chave altamente disputada, mesmo tendo dinheiro para investir no negócio, um dos principais fatores de rankeamento do Google é o tempo de vida do domínio, isso não dá para ser alterado, a menos que você compre um domínio expirado

Já com boas métricas e com um bom tempo de mercado, aí sim, essa fase pode ser transpassada.

Essas informações são úteis na hora de começar uma estratégia, muitos por não conhecerem esses fatores acabam se aventurando e depois de um tempo colocando dinheiro e tempo e sem nenhum resultado aparente acabam por desistir frustrado.

Fazendo essa análise você saberá exatamente o que te espera, caso queira calcular o volume da palavra chave e sua dificuldade o link é o do Google Planner

google-docs-800x324 Como criar um site no Wordpress para iniciantes.

Escolhendo o Domínio.

Esse processo pode parecer simples, mas posso dizer que é um dos mais importantes.

Um domínio transmite logo de início qual o seu produto, você vê um site com noticias.com logo você sabe que o site trata de notícias, não  sabe ao certo qual tipo de notícia, mas é certo que o site fala a respeito de notícias.

Existem várias pessoas que fazem um domínio e logo de deixam de usar por N motivos, a ideia morreu, o negócio faliu, os domínios eram classificados antigamente pelo Google com uma métrica chamada Page Rank, essa métrica ia de 0 – 10 ou 0 – 100, e quanto maior fosse o número, mais forte o domínio seria,  essa “força”de domínio facilita na hora da classificação da sua palavra chave, depois essa métrica foi aposentada pelo Google, com isso, o mercado adotou algumas métricas da MOZ como PA e DA para medir a autoridade da página e autoridade  do domínio.

 

A Majestic também tem 2 métricas muito utilizadas, que são as TF Trust Flow e CF Citation Flow, a primeira TF, mede a qualidade dos backlinks que estão apontados para o seu site, quando a segunda, mede se o seu site é muito falado, ou seja, se tem bastante backlinks apontando para ele.

Esse processo de conseguir backlinks é chamado de link building e é extremamente difícil.

Caso você seja uma empresa pequena, um negócio começando do zero, um blog, um site de notícias, convencer que outro site link para você não é fácil, mesmo tendo um bom conteúdo, na maioria das vezes os grandes sites ignoram os pequenos.

Por causa dessa dificuldade toda da qual falamos, muitas pessoas preferem comprar um domínio expirado, com boas métricas, com backlinks apontando para eles e em alguns casos, até mesmo com a sua palavra chave já ranqueada no google.

Caso o domínio seja de terminação .com.br ele terá que ser adiquirido no site do Registro BR

Se o domínio for .com .net .gov e por aí em diante, ele pode ser adquirido na Godaddy

Caso seja do seu interesse pesquisar para ver se tem algum domínio que já se encaixe com o perfil do seu negócio para ser usado eu aconselho o site. https://www.expireddomains.net/

domain-800x207 Como criar um site no Wordpress para iniciantes.

Ele é gratuito, basta se inscrever para ter acessos a mais recursos de filtro e mandar procurar por um domínio que tenha as características do seu negócio, esse não é um processo simples, o domínio encontrado tem que ter um bom PA e DA, assim como TF e CT, como atributo de SPAM baixo ou zerado, é uma tarefa árdua mas que com certeza vai te economizar tempo e dinheiro no futuro.

Escolhendo o Tema do WordPress

Escolher o Tema no WordPress é vital para a vida do site, e sabe por quê? Um bom tema já traz os Plugins que você precisa, se for um E-Commerce então nem se fala, os plugins já vem todos prontos para serem instalados, carrinho de compras, lista de desejos, etc..

Caso seja um site de filmes, os plugin já vem com AMP responsivo para filmes, imagine você abrindo um site e o vídeo ficando cortado no seu celular? Tenho certeza que você não voltaria naquele site, um bom tema, já simplifica esse processo, deixando apenas a parte estética e de SEO para que você possa configurar.

Para Temas voltado a loja Virtual eu indico o flatsome, temas multi responsivo, com diversos Demos para ser instalados, não tem muito segredo, basta escolher o estilo da sua loja, o demo correspondente a ela e mandar instalar, depois é só vir trocando as fotos pelas suas, cadastrar os seus produtos e fazer o SEO nas suas páginas.

Esse site no qual você está lendo essa reportagem usa esse tema, a nossa página inicial é a fachada de uma loja virtual https://www.cruzclothing.com.br

Quando o assunto é noticias apenas, sem ter Blog ou loja o Flatsome não se apresenta como uma boa opção, contudo tema Magazine Themes for Blog and News Websites , se comporta melhor para o cenário, cada tema já vem com uma série de plugins integrado, nesse caso, basta ver qual melhor se adapta a sua realidade e comprar, normalmente $ 60 Dólares.

Posso baixar o tema naquele “Site”e usar sem pagar? Sim, claro que pode, contudo, além de ser ilegal, você corre o risco de sair uma atualização da plataforma do WordPress e a versão do seu “site”que não tem suporte bugar e você estará só com um tema pirata nas mãos correndo o risco de perder muito mais que $ 60 dólares.

 

Escolhendo e Instalando os Plugins

Esse é o coração do WordPress, o Plugin, foram eles que fizeram a plataforma ser o que é hoje, cada usuário pode personalizar a sua plataforma da melhor forma possível focando o seu objetivo.

Vou listar 10 Plugins neste artigo que são essenciais para qualquer nicho.

1º YOAST SEO

O melhor dos melhores, Plugin fundamental para a configuração de SEO do seu site, blog, postagem, configurar o título, descrição, palavra chave, com esse cara fica fácil, a versão gratuita já faz tudo isso.

Não para por ai.

Além de ser uma ferramenta de SEO para o WordPress ele vai te ajudar com o readability. Essa função te mostra de o seu texto está no padrão certo para uma boa leitura do usuário.

2º GOOGLE ANALYTICS BY MONSTERINSIGHTS

Existe uma frase que diz que “Não podemos gerenciar o que não podemos ver”, a galera de projeto gosta muito desse bordão, você precisa saber quem vem ao seu site, quanto tempo fica, em qual página gasta mais tempo, este Plugin vai te dar essas métricas e em cima delas você poderá tomar ações para melhoria do site.

Depois de criar e configurar o seu Google Analytics você deve instalar o “Google Analytics by MonsterInsights”. Com ele você conseguirá colocar o seu código de acompanhamento em todo o site, sem precisar editar arquivos do tema ou entender de programação.

3º FORMULÁRIO DE CONTATO 7 (CONTACT FORM 7)

Imagina que alguém quer entrar em contato com você como faz?

É necessário uma página de contato do site.

O melhor plugin de WordPress para esta função é o Contact Form 7 (Formulário de contato 7 em português). Com ele você poderá copiar e colar apenas uma linha e criar o seu formulário de contato.

4º FACEBOOK COMMENTS PLUGIN

Quer receber comentários em seu post?

Você vai ver por experiência própria que comentar utilizando o Facebook Comments Plugin é a maneira menos burocrática.

Afinal, você já está conectado no Facebook! Essa ferramenta de integração é fundamental para o engajamento do post.

5º VISUAL COMPOSER: PAGE BUILDER FOR WORDPRESS

Bem, agora você vai reaprender a fazer sites…

Você sabia que é possível fazer sites profissional somente arrastando e soltando telas?

Sim o Visual Composer é o plugin que te permite fazer isso.

Eu utilizo em vários site, e sinceramente, não vivo sem ele.

Dê um até logo para a galera de Web, você agora será responsável pela aparência do seu site, seu muito esforço.

6º OPT-IN PANDA FOR WORDPRESS

Imagina você ter uma lista de pessoas cadastradas em seu site para envio de informações depois, fazer seu próprio remarketing? Com este plugin você pode liberar algum conteúdo só após o cadastro ou execução de alguma ação determinada por você.

Perfeito para utilizar em CTA (Call to Action) e entrega de infoprodutos.

Prints do plugin.

7º NINJA POPUPS FOR WORDPRESS

Um dos melhores pontos de chamada de atenção são os popups. Com o Ninja Popups você pode configurar para que eles apareçam no momento certo.

O plugin de popup também te dá estatísticas, mostrando quando a sua aplicação tem resultado melhor.

Confira alguns prints do plugin.

8º DUPLICATE POST

Chega de ficar refazendo sempre a mesma base de Post, se a base é a mesma, é só clonar e alterar a cereja do bolo, esse plugin é feito para isso.

9º HEAD & FOOTER CODE

Se você sempre está testando novas ferramentas na internet e precisa adicionar códigos o tempo todo, este plugin é para você!

É muito mais segura e rápido utilizar o Head & Footer Code para adicionar os códigos ao seu site.

Literalmente é só copiar, colar e salvar.

10º W3 TOTAL CACHE

Esse cara é  TOP, sabia que a velocidade do seu site é um dos fatores que o Google utiliza para classificação do seu site? Pesquisas mostram que acima de 2 segundos para carregar o usuário já está indo para outro site, o TOTAL CACHE te ajuda a acelerar o seu site armazenando imagens em cache.

Lembrando que alguns dos plugins citado acima já podem vir por padrão no tema escolhido por você, por isso, é essencial a escolha de um bom tema.

 

Backlinks

Esse é um fator importante que resolvi colocar no artigo também, backlinks não é exatamente parte da instalação do WordPress, mas sem eles, seu site não vai a parte alguma.

O processo para conseguir backlinks para o site chama-se link building.

Lembra que no início do artigo eu falei de domínios fortes e domínios fracos? O que torna um domínio forte é a qualidade de links que ele tem apontando para ele, e se esses links que apontam para ele são de qualidades também.

Não adianta nada você ter 1.000 links apontando para você se esse links são de domínios de baixa autoridade ou de SPAM.

Também não ajuda muito se os 1.000 links forem de um mesmo domínio, por isso, conseguir links de qualidade é um fator de altíssima importância para que o seu site possa decolar.

E ONDE CONSEGUIR ESSES LINKS?

Essa é a pergunta que move a internet, existem diversas formas de fazer isso, as chamadas de Black Hat ( Quando você consegue um link de uma forma ilegal, comprando por exemplo) ou White Hat ( Quando você consegue de uma forma bacana, imagina você citando esse artigo em seu site, isso será um back link).

Existem dois tipos de Backlinks os ” DO FOLLOW” ou seja, que passam link juice, autoridade, que passam relevância para o site alvo.

” NO FOLLOW “que não passa relevância ou autoridade, ele pode ser usado para gerar trafego para o seu site, fortificar a sua marca, mas não passa relevância.

Existem alguns lugares onde você pode conseguir esses tipos de backlinks tanto DoFollow como NoFollow, o primeiro lugar são os:

  1. Forum  ( Forum de internet é um ótimo lugar para se conseguir links, tem muitos fórum que permitem que os comentários sejam Do Follow, que permitem artigos, citações etc.. Um fórum grande que permite fazer isso é o da Microsoft por exemplo.
  2. Outro bom lugar para se conseguir backlinks de qualidade são os chamados Backlinks de perfil, sabe quando você cria uma conta no Amazon por exemplo, no perfil tem um campo que você coloca seus dados, seu e-mail e seu site, muito destes sites deixam esse campo como DoFollow, por isso, se torna uma ótima oportunidade de conseguir Backlinks.
  3. Outra forma de conseguir backlinks de qualidade são webinar, imagina que sua video aula no Youtube faça o maior sucesso, e na descrição tenha o seu site com o seu artigo, todos vão acessar o site e de forma natural alguns vão comentar sobre o artigo do seu site ou sobre o seu video em suas redes sócias, blogs, sites..
  4. WEB 2.0 está em nossa lista, as plataformas de sites como WordPress, WIX, entre outras, permitem que você crie Blogs sem pagar nada por isso, depois de criado, você cria um artigo e aponta para o seu site. Mas nem tudo são flores, esses sites precisam ser sites verdadeiros, terem conteúdos, se sua existência for somente para gerar links para o seu site, o Google irá descobrir logo, logo, e a penalidade irá chegar até a sua porta.
  5. Peça a mim, isso mesmo, se você quer alguns backlink de qualidade, deixa um comentário abaixo que eu posso fazer pra você DoFollow, vou permitir que você faça um Guest Post nos sites que gerencio. Não sabe  o que são Guest Post? Então veja a próxima dica.
  6. Guest Post é uma prática de posta de forma convidada em outro site, imagina que meu site fale sobre religião ( e realmente fala), e você tem um artigo super bacana que engloba o assunto, eu permito que você publique o arquivo em meu site, e coloque um link apontando para você como fonte ou algo parecido.
  7. Comprando Back links, essa não é uma das melhores práticas,  é considerada black Hat, passível de punição, mas é uma forma, cabe a você decidir os riscos que quer correr, quer uma dica para comprar backlinks?  Fiver, lá é o Mercado Livre da Tecnologia, você encontra de tudo no site, bons vendedores, e péssimos vendedores, uma dica, se quiser entrar por esse caminho, vá com grana, serviço bom custa caro, comprar backlinks de vendedor meia boca vai te dar dor de cabeça com certeza. No Fiver você pode comprar Guest post na CNN , BBC, basta ter grana para pagar.

 

UFFA, é muita coisa não é mesmo? Mas tudo vale a pena, fazendo um bom trabalho e mantendo o foco o resultado começa a aparecer em uns 6 meses, não existe mágica, para se chegar e ficar na primeira página do Google, tem que ter trabalho duto.

 

Deixe seu comentário, e espero te ver mais vezes por aqui.

Aproveita e dê uma passa em nossa loja também rsrsrs Cruz Clothing.

 

One thought on “Como criar um site no WordPress para iniciantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.